domingo, 13 de junho de 2010


Dizem que o caminho se faz a olhar para a frente. Fiz o meu, a olhar para trás.
Tantas vezes vi em nós um futuro certo, um futuro saudável e era este o futuro que julgava ser o correcto. Carrego agora a dor de quem se enganou redondamente, deixando os seus valores por terra. Aquilo que lhe haviam feito, ela estava a retribuir com um peso ainda maior. Sabe-o, e lamenta-se. Tivesse ela o condão de mudar tudo. Sem querer magoar, magoou aquele que um dia foi o seu maior professor. Mantinha e manterá um orgulho por aquela figura. Mas tudo se desvanece quando ainda olhamos para trás, para aquele passado rancoroso que tantas vezes não a deixava dormir.
O seu maior erro fora olhar para trás, eis quando o perfeito se torna corriqueiro aos olhos.

3 comentários:

F. G. disse...

Olha para frente! O caminho é para a frente. Beijinhos !

Joana ' disse...

tantas vezes esse erro é cometido... tentamos olhar para trás, para perguntar se realmente estamos a seguir o melhor caminho. e, o que acontece, é que nem sempre as coisas se tornam mais claras, muito pelo contrário. começamos a questionar porque optámos por A em vez de B, porque esconhemos o azul se o verde nos ficava melhor. o erro querida, não é olhar para trás. o erro é ficarmos presas a ele, ao passado.
tinha saudades de te ler, de saber de ti*
beijinho

Wolve disse...

@joana: Lembro-me de ter lido uma vez, quando li a "perola" do Steinbeck, (era mais ou menos assim) "a gente da aldeia olhava para aquela familia com apreensão. Se um dia se tornassem abastados, diriam que tinham assistido ao momento que lhes mudou a vida, com brilho nos olhos, da mesma maneira que diriam, se lhes arruinasse a vida, que tinham assistido ao primeiro dia do declínio."

Aquilo que se ve quando se olha para trás, depende de como corre para a frente. O importante é saber que quando se escolheu, se lutou pelo que era certo, mesmo que depois não seja.
Pelo menos... quero acreditar nisso.

Beijinho BHG